Fórum em Português

!!!!!NOVO!!!!! Fórum em Português onde você pode estudar a Bíblia, colocar questões e debater temas Bíblicos. http://www.bibliaaberta.comeze.com/phpBB3/
Quinta-feira, 17 de Setembro de 2009

CÉU, INFERNO OU OUTRO LUGAR? - Parte 3

 

Nesta série de artigos Mark Sawyer mostrou que existe muita concordância entre estudantes Bíblicos que não temos uma alma imortal. Em vez disso a Bíblia ensina que quando morremos morremos, porque a morte é um castigo pelo pecado. Assim sendo, que esperança existe de vida depois da morte? Isso é o que ele explica agora neste último artigo da série.
A Esperança Bíblica
 
A Bíblia ensina que existe uma experança real de vida depois da morte, através da ressurreição corporal. Isso acontecerá segundo o modelo estabelecido pela ressurreição de Jesus Cristo. Não será para todos nem todos os que ressuscitarem dos mortos receberão a vida eterna. Veremos o porquê ao prosseguirmos e examinarmos as Escrituras. Leia as passagens assim que elas vão aparecendo.
 
Em Daniel 12:1-3 é-nos dito o que foi revelado a Daniel. Foi dito ao profeta que, num tempo de tribulação sem precedentes no mundo, "muitos" (não todos) despertarão do "sono" inconsciente no "pó da terra" ... "uns para a vida eterna, e outros para vergonha e horror eterno".
 
O próprio Jesus falou do seu papel no futuro da seguinte forma:
 
"Não vos maravilheis disso, porque vem a hora em que todos os que estão nos sepulcros ouvirão a sua voz. E os que fizeram o bem sairão para a ressurreição da vida; e os que fizeram o mal, para a ressurreição da condenação" (João 5:28-29, RC).
 
Por "todos," Jesus evidentemente quer dizer queles (referidos no versículo 24) que ouviram o seu ensino em alguma altura de suas vidas. Note que eles são ressuscitados dos "sepulcros", não trazidos do céu. A Bíblia nunca ensina isso.
 
Assim, nem todos serão ressuscitados, nem todos aqueles que forem ressuscitados receberão a vida eterna. Aqueles que tiveram oportunidade de responder às leis de Deus antes de Cristo, e nesta era Cristã, ao Evangelho de Cristo, serão ressuscitados quando Cristo voltar à terra. Cristo julga-los-á , juntamente com os que estiverem vivos nessa época. Alguns serão aceites enquanto que outros serão rejeitados.
 
Dentro ou fora?
 
Agora, mais alguns testemunhos de escritores inspirados:
 
Lucas 13:28 regista o ensino de Jesus que os ouvintes sépticos do seu ensino serão ressuscitados e verão Abraão, Isaque e Jacó com os profetas no Reino de Deus, mas eles excluídos dele.
 
Em contraste, João 6:40 regista Jesus dizendo que aqueles que acreditam nele serão ressuscitados e receberão a vida eterna "no último dia". Infelizmente, haverão muitos que o viram e ouviram, mas não creram.
 
O apóstolo Paulo, ao fazer a sua defesa perante o governador Romano Félix afirmou que a ressurreição envolverá "justos e injustos".
 
"Tendo esperança em Deus, como também estes a têm, de que haverá ressurreição, tanto de justos como de injustos" (Atos 24:15).
 
Esta é uma afirmação concisa da distinção Divina que será exercitada após a ressurreição. Ou seremos aceites ou seremos rejeitados - estar "dentro" ou "fora" do Reino de Deus.
 
Vida ou Destruição?
Paulo ensinou enfaticamente em 1 Coríntios 15:17-23 que a ressurreição de Cristo é indispensável para a nossa salvação. É somente porque ele foi ressuscitado dos mortos que podemos ter esperança de ser ressuscitados "na sua vinda". Se somos "de Cristo", ou seja, se pertencemos a ele, teremos uma esperança viva e real. Mas, atenção com o versículo 18 que para aqueles que "dormem em Cristo", a única alternativa à ressurreição é a destruição eterna:
"E, se Cristo não ressuscitou, é vã a vossa fé, e ainda permaneceis nos vossos pecados. E ainda mais: os que dormiram em Cristo pereceram" (1 Coríntios 15:17, 18).
 
 Note que, se podemos deixar de existir dessa maneira, não é possível que tenhamos almas imortais.
 
Em 2 Timóteo 4:1 & 8 Paulo escreve que Cristo julgará tanto os que estiverem vivos aquando da sua vinda como aqueles que serão ressuscitados dos mortos nessa altura quando ele "aparecer" para estabelecer o Reino de Deus. Ele galardoará aqueles que "amaram a sua vinda". Vemos então que todos estes eventos importantes - Vinda de Cristo, ressurreição, julgamento e o estabelecimento do Reino de Deus - acontecem basicamente no mesmo espaço de tempo.
 

Os últimos dois versículos de Hebreus 11 explicam que todos os fiéis do tempo do Antigo Testamento, listados neste capítulo não receberam o que lhes foi prometido por Deus porque ainda esperam pela recompensa prometida que partilharão com os fiéis de todas as eras. Nesse tempo todo o povo de Deus serão "feitos imortais". Assim, essas pessoas fiéis do passado têm que ser ressuscitadas dos mortos; senão as promessas de Deus nunca se tornarão realidade para eles.



O Vindouro Julgamento

Vimos a partir de algumas destas passagens que será necessário um julgamento para fazer divisão entre os que serão ressuscitados, ou os que estão vivos quando Cristo retornar, para determinar quem receberá a vida eterna, e aqueles que não a receberão.  Eis aqui uma só passagem que descreve este processo:



"Porque importa que todos nós compareçamos perante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o bem ou o mal que tiver feito por meio do corpo." (2 Coríntios 5:10)

Note que Paulo diz que "todos nós" devemos comperacer perante o tribunal. Ele claro, estava a escrever aos crentes em Cristo, e não ao mundo no geral.



SUMÁRIO

Nem todos serão ressuscitados dos mortos. Na sua vinda, o Senhor Jesus Cristo julgará aqueles que foram ressuscitados com aqueles que estiverem vivos nessa altura, que são responsáveis perante ele. A descrição "responsáveis perante ele" significa que serão pessoas que tiveram a oportunidade de responder a este evangelho, quer tenham o tenham feito ou não. Ele também, na mesma ocasião, ressuscitará as pessoas que viveram no tempo do Antigo Testamento como aqueles, mencionados por nome ou não, cuja fé está catalogada em Hebreus 11. De todos estes, alguns serão aceites e outros rejeitados por Cristo no seu tribunal.



E Então?

Assim, onde será o lugar de recompensa para os fieis? Certamente não será o céu, assim como o Inferno da tradição não será o lugar de castigo.

 

A Bíblia ensina que o Reino de Deus, que é prometido em ambos Antigo e Novo Testamentos, será estabelecido por Cristo nesta terra aquando da sua segunda vinda, a ressurreição e julgamento. Estes temas são longos. Mas, para far-lhe um gostinho, eis aqui um único exemplo de entre muitas passagens Bíblicas:



"E entoavam novo cântico, dizendo: Digno és de tomar o livro e de abrir-lhe os selos, porque foste morto e com o teu sangue compraste para Deus os que procedem de toda tribo, língua, povo e nação e para o nosso Deus os constituíste reino e sacerdotes; e reinarão sobre a terra." (Apocalipse 5:9, 10).

Isto diz-nos que as pessoas glorificadas redimidas por Cristo serão governantes e sacerdotes

"na terra"

.



O que devo fazer?

O que

é

requerido de nós para fazermos parte deste plano? Temos que pertencer a Cristo e fazer o que ele manda. Isso começa com uma ação específica que é requerida de nós. A Bíblia diz-nos que só através do batismo - por imersão total - podemos pertencer a Cristo e tornar-nos membros da família de Deus. O ato liga aqueles que realmente acreditam no evangelho à morte redentora de Cristo e sua gloriosa ressurreição. Uma vida nova em Cristo deve seguir este ato de obediência. Este é um assunto abordado por outros artigos nesta revista de tempos a tempos. Por agora, aqui estão três passagens relevantes para você considerar:



* Em Marcos 16:16 Jesus ensina os seus apóstolos que alqueles que acreditam e são batizados serão salvos.


* Lemos em João 3:5 que nascer de água e do espírito é essencial para a nossa admissão no Reino de Deus.


* Em Gálatas 3:26-29 aprendemos que pela fé e batismo podemos "revestir-nos de Cristo", para ficarmos "em Cristo" ou ser "de Cristo" e assim tornar-mo-nos herdeitos das promessas que Deus fez a Abraão. E vimos que Abraão está destinado a estar no Reino de Deus.

Assim, se dermos ouvidos, entendermos, e acreditarmos e obedecermos ao evangelho do Reino de Deus e o nome de Cristo, e tentarmos viver as nossas vidas seguindo isso, temos uma esperança real  de ser ressuscitados dos mortos e receber a vida eterna quando Cristo retornar à terra para estabelecer o Reino do Seu Pai.

 

Se a vida depois da morte é um assunto importante para si, não fazer nada não é uma opção. Por favor pense seriamente sobre isso - com uma Bíblia aberta em suas mãos.

 

Mark Sawyer

 

(Article: Heaven, Hell or Somewhere Else? - Part Three, Glad Tidings 1474, pag. 14-16)

publicado por boasnovasreinodeus às 13:56
link do post | comentar | favorito
|

Fórum em Português

!!!!!NOVO!!!!! Fórum em Português onde você pode estudar a Bíblia, colocar questões e debater temas Bíblicos. http://www.bibliaaberta.comeze.com/phpBB3/

Contacto

Email para colocar questões ou pedir curso Bíblico grátis: curso_gratis@hotmail.com

pesquisar

 

Formspring

posts recentes

A HERANÇA DOS SANTOS É CE...

O Caminho da Vida - O que...

AS TRANSFUSÕES DE SANGUE ...

AS TRANSFUSÕES DE SANGUE ...

O Sábado na Dispensação C...

Guardar o Sábado

Lúcifer - A verdade sobre...

POSSESSÃO DEMONÍACA

O Caminho da Vida - 1 - A...

O Diabo e Satanás

"... que sinal haverá da ...

"Vós sois as minhas teste...

Êxodo

Génesis

Céu e Inferno

Refutação - Sábado - Adve...

O Verdadeiro Sábado

Os Cristadelfianos - Em q...

Os Cristadelfianos - Em q...

Os Cristadelfianos - Em q...

arquivos

Maio 2013

Novembro 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

GeoCount


contador gratis

links

subscrever feeds